Programa de Pós-Graduação em Medicina Tropical (PPGMedtrop)

Destaques

 

Processo Seletivo para a 37ª. Turma de Mestrado em Medicina Tropical do CCM/UFPE – Ano: 2021

Resultado : CURRÍCULO

 

CPF

CURRÍCULO

  1.  

703.247.484-50

5,42

  1.  

073.934.734-96

4,99

  1.  

112.375.994-40

4,22

  1.  

088.613.984-80

3,87

  1.  

071.795.544-30

3,58

  1.  

111.681.304-17

3,57

  1.  

059.469.124-96

3,4

  1.  

274.730.904-53

3,18

 

Processo Seletivo para a 22ª. Turma de DOUTORADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

NOTA DO CURRÍCULO

CPF

         NOTA FINAL

090.760.664-42

5,05

055.195.624-07

6,10

 

 

Processo Seletivo para a 22ª. Turma de DOUTORADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

RESULTADO DA APRESENTAÇÃO E DEFESA DO PROJETO

CPF

         NOTA FINAL

090.760.664-42

8,25

055.195.624-07

7,00

 

 

ESPELHO PROVA DE CONHECIMENTO – MESTRADO 2021

COVID-19

QUADRO CLÍNICO

  • Período de Incubação
  • Assintomáticos
  • Oligossintomáticos
  • Sintomas: tosse, febre cefaleia, coriza, anosmia, ageusia, astenia, diarreia, vômitos, diminuição do apetite.
  • Síndrome Gripal
  • Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG)
  • Pneumonia com diferentes graus de gravidade
  • Complicações cardíacas, renais, choques sépticos/septicemia

DIAGNÓSTICO LABORATORIAL DA COVID                                              

Teste rápido (imunocromatografia para detecção do antígeno do SARS COV 2 pouco usado; teste rápido para detecção de anticorpos)

Testes sorológicos:

Podem dar falsos positivos por reação cruzado com outros vírus e limitados pela janela imunológica;

Anticorpos totais e IgA – apresentam melhor sensibilidade se realizado após o 70 dia do inicio dos sintomas;

IgM pode aparecer no mesmo dia dos primeiros sintomas mas podem também não serem detectados;

IgG são detectadas tardiamente duas semanas ou até em um mês do inicio dos sintomas

Teste molecular –RT-PCR

Padrão ouro por detectar a infecção preferencialmente a partir do 30 dia do inicio dos sintomas;

Amostras de swabs oro e nasofaringes, lavado bronco alveolar e eventualmente escarro.

Pode ocorrer falsos negativos pela qualidade da amostra e/ou amostra inadequada por coleta precoce ou tardia

 

SÍFILIS

QUADRO CLÍNICO

Descrever:

Período de Incubação

Sífilis Primária

Sífilis Secundária

Sífilis Latente

Sífilis Terciária (Cardiovascular, Neurolues)

Sífilis Congênita

Sífilis e HIV

 

DIAGNÓSTICO LABORATORIAL DE SÍFILIS:

EXAMES DIRETOS:

Exame em campo escuro:  amostra- exsudato seroso de lesões ativas primárias e secundárias; visualização de T. pallidum vivo , observar morfologia, tamanho e movimentos.

Pesquisa direta com material corado – exsudatos de lesões

Método Fontana Tribondeau

Método Burri

Método coloração por Giemsa

Método Levadut

TESTES IMUNOLÓGICOS:

Teste Não Treponêmicos: qualitativo e quantitativo

Método de floculação VDRL

RPR; USR; TRUST

Falso positivos (reação cruzada); Falso negativos (pró-zona)

Testes Treponêmicos:

FTA-ABS; ELISA; TESTES DE QUIMIOLUMINESCÊNCIA; HEMAGLUTINAÇÃO (TPHA). MICROHEMAGLUTINAÇÃO (MHA-TP); AGLUTINAÇÃO PASSIVA DE PARTICULAS (TPPA); TESTE RÁPIDO TREPONÊMICOS;

FTA – IgM  ( LCR  e congênita ) – baixa sensibilidade

Diagnóstico na Sífilis Primária, Secundária, Latente e Terciária.

 

Processo Seletivo para a 37ª. Turma de Mestrado em Medicina Tropical do CCM/UFPE – Ano: 2021

Resultado II Etapa

ORD.

CPF

PROVA DE CONHECIMENTO

(PESO 7)

PROJETO EXPANDIDO

(PESO 3)

NOTA FINAL

  1.  

112.375.994-40

6,3

2,7

9,00

  1.  

073.934.734-96

6,65

2,1

8,75

  1.  

274.730.904-53

6,3

2,4

8,70

  1.  

703.247.484-50

5,6

2,7

8,30

  1.  

071.795.544-30

5,25

2,4

7,65

  1.  

088.613.984-80

5,25

2,25

7,50

  1.  

059.469.124-96

5,25

2,1

7,35

  1.  

111.681.304-17

5,25

2,1

7,35

 

 – Avaliação de resumo expandido de projeto de pesquisa e prova de conhecimento formarão uma única nota, que será eliminatória, nota mínima de 7 (sete).

 
 

 

Processo Seletivo para a 37ª. Turma de MESTRADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

CONVOCAÇÃO – Etapa 2– Prova de Conhecimentos

DATA

16/11/2020 (SEGUNDA-FEIRA)

LOCAL

ANFITEATRO 4 – HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA UFPE

HORÁRIO

9h00-12h00

 

Processo Seletivo para a 22ª. Turma de DOUTORADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

Etapa: APRESENTAÇÃO E DEFESA DO PROJETO DOS CANDIDATOS

Data: 17/11/2020 (TERÇA-FEIRA)

Local: ONLINE, PLATAFORMA GOOGLE MEET

Link A SER ENVIADO AO EMAIL DO CANDIDATO COM ANTECEDÊNCIA MÍNIMA DE 24h

CPF

HORÁRIO DA ENTREVISTA

090.760.664-42

9h00

055.195.624-07

10h00

 

RESULTADOS DA PROVA DE INGLÊS

 

Processo Seletivo para a 37ª. Turma de MESTRADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

RESULTADO - Etapa 1– Prova de Idioma (Inglês)

CPF

NOTA

703.247.484-50

7,2

059.469.124-96

7,1

052.871.984-00

FALTOU

028.797.374-35

4,0

274.730.904-53

7,0

112.367.884-78

5,8

112.375.994-40

7,5

115.810.094-96

FALTOU

073.934.734-96

8,4

701.734.964-40

5,0

974.205.734-68

3,1

071.795.544-30

7,0

088.613.984-80

Dispensado do inglês

111.681.304-17

7,2

 

 

Processo Seletivo para a 22ª. Turma de DOUTORADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

RESULTADO - Etapa 1– Prova de Idioma (Inglês)

CPF

NOTA

090.760.664-42

7,0

055.195.624-07

7,9

 

 

 

ESPELHO DA PROVA

 

O uso da máscara facial (mascaramento facial) para COVID-19 - Potencial para “variolação” enquanto esperamos uma vacina.

 

Parágrafo 1

Como o SARS-CoV-2 continua sua propagação (disseminação) global, é possível que um dos pilares do controle da pandemia de COVID-19 – o uso universal de máscara facial (mascaramento facial universal) - pode ajudar a reduzir a gravidade (severidade) da doença e garantir (assegurar) que uma proporção maior de novas infecções seja assintomática. Se esta hipótese for comprovada (validada), o uso universal de máscara (mascaramento universal) poderia (pode) se tornar uma forma de "variolação" que geraria imunidade, e assim (desse modo), reduzir (retardar) a disseminação do vírus nos Estados Unidos e em outros lugares, enquanto aguardamos uma vacina.

 

Parágrafo 2

Uma razão importante para o uso de máscara facial (mascaramento facial) em toda a população tornou-se evidente em março, quando relatórios (relatos) começaram a circular descrevendo as altas taxas de eliminação (secreção) viral do SARS-CoV-2 dos narizes e bocas de pacientes que eram pré-sintomático ou assintomático - taxas de eliminação (secreção) equivalentes a aqueles entre pacientes sintomáticos. O uso universal de máscaras faciais (mascaramento  facial universal) parecia (pareceu) ser uma maneira possível para prevenir a transmissão a partir de pessoas infectadas assintomáticas. Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), portanto, recomendaram em 3 de abril que o público use (vista) coberturas (cobertas) de rosto de tecido (pano) em áreas com altas taxas de transmissão na comunidade - uma recomendação que tem sido desigualmente seguida em todos os Estados Unidos.

 

Parágrafo 3

Evidências anteriores (passadas) relacionadas a outros vírus respiratórios (outras viroses respiratórias) indicam que o uso de máscara facial (mascaramento facial) também pode proteger o usuário de se tornar infectado (ser infectado), ao bloquear a entrada de partículas virais no nariz e na boca. Investigações epidemiológicas conduzidas ao redor do mundo - especialmente em países asiáticos (da Ásia) que se acostumaram ao uso de máscara por (ao mascaramento de) toda a população durante a pandemia de SARS de 2003 - sugeriram que há uma forte relação entre o uso público de máscaras (mascaramento público) e o controle da pandemia. Dados recentes de Boston demonstram que as infecções por SARS-CoV-2 diminuíram entre os profissionais de saúde depois que o uso universal de máscaras (o mascaramento universal) foi implementado em hospitais municipais no final de Março.

 

Parágrafo 9

A variolação era um processo pelo qual as pessoas suscetíveis à varíola eram inoculadas com material retirado de uma vesícula de uma pessoa com varíola, com a intenção de causar uma leve infecção e imunidade subsequente. A variolação foi praticada apenas até a introdução da vacina contra a varíola, que finalmente erradicou a varíola. Apesar das preocupações com a segurança, distribuição mundial e eventual aceitação, o mundo tem grandes esperanças de uma vacina SARS-CoV-2 altamente eficaz e, a partir do início de setembro, 34 vacinas candidatas estavam em avaliação clínica, com centenas mais em desenvolvimento.

 

Parágrafo 11

Para testar nossa hipótese de que o uso de máscaras por (o mascaramento de) toda a população é uma dessas estratégias, precisamos de mais estudos comparando a taxa de infecção assintomática em áreas com e áreas sem o uso universal da máscara. Para testar a hipótese da variolação, iremos precisar de mais estudos comparando a potência (força/intensidade) e durabilidade da imunidade de células T (imunidade celular) específica à SARS-CoV-2 entre pessoas com infecção assintomática e aquelas com infecção sintomática, bem como uma demonstração da desaceleração natural de SARS-CoV-2 espalhado (disseminado/propagado) em áreas com uma alta proporção de infecções assintomáticas.

 

Parágrafo 12

Em última análise, combater à pandemia irá envolver (envolverá) reduzir (derrubar) tanto as taxas de transmissão quanto a gravidade da doença. Evidências crescentes sugerem que o uso de máscara (mascaramento) facial em toda a população pode beneficiar ambos os componentes da resposta.

 

(Os fragmentos textuais entre parênteses apresentam mais uma possibilidade de tradução, permitindo a manutenção da ideia apresentada no texto. Dessa forma, tanto o texto imediatamente antes, quanto o texto entre parênteses pode ser utilizado).

 

 

 

Homologação do Processo Seletivo Edital -

MESTRADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

CPF

703.247.484-50

059.469.124-96

052.871.984-00

028.797.374-35

112.367.884-78

112.375.994-40

115.810.094-96

701.734.964-40

974.205.734-68

071.795.544-30

088.613.984-80

274.730.904-53

073.934.734-96

111.681.304-17

 

Candidatos com inscrição indeferida. EDITAL-

MESTRADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

CPF

014.367.274-64

 

Homologação do Processo Seletivo Edital -

DOUTORADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

CPF

090.760.664-42

055.195.624-07

 

Candidatos com inscrição indeferida.

DOUTORADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

CPF

065.278.694-44

 

 

 

Local da Prova de Suficiência em Inglês do Processo Seletivo para a 37ª. Turma de MESTRADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

Anfiteatro de No. 4 do Hospital das Clínicas (HC/EBSERH) – UFPE

Dia: 09/11/2020 – Horário: 09h00 às 11h00

 

Homologação do Processo Seletivo Edital -

MESTRADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

CPF

703.247.484-50

059.469.124-96

052.871.984-00

028.797.374-35

112.367.884-78

112.375.994-40

115.810.094-96

701.734.964-40

974.205.734-68

071.795.544-30

088.613.984-80

274.730.904-53

073.934.734-96

 

Candidatos com inscrição indeferida. EDITAL-

MESTRADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO : 2021

CPF

014.367.274-64

 

Homologação do Processo Seletivo Edital -

DOUTORADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO: 2021

CPF

090.760.664-42

055.195.624-07

 

Candidatos com inscrição indeferida.

DOUTORADO MEDICINA TROPICAL ANO LETIVO : 2021

CPF

065.278.694-44

 

 

 

 

Homologação do Processo Seletivo Edital Emergencial

Doutorado em Medicina Tropical – Ano: 2020

Candidatos

Nota Final*

Classificação

041.501.544-81

10,0

098.067.674-62

8,08

008.298.134-54

5,21

052.478.437-03

3,62

 

Candidatos com inscrição indeferida

Doutorado em Medicina Tropical – Ano: 2020

Candidatos

036.399.574-90

061.203.894-74

052.127.244-06

615.970.404-44

 

Matrícula ON-LINE (novatos e veteranos)

 

Comunicamos que durante o período de 21 a 25/05, estará disponível a realização da matrícula ON-LINE, para os discentes de Mestrado e doutorado (novatos e veteranos que forem cursar disciplinas de forma remota). Segue texto abaixo, relativo ao item do Calendário de matrículas para programas de pós-graduação em atividades acadêmicas remotas – 2020.1 (anexo), com base na resolução no 06/2020 – CEPE/UFPE (alterado em 11/05/2020), a saber:

Ação: MATRÍCULA ON-LINE (período de 21 a 25/05)

Quem realiza: i) discentes de mestrado e doutorado (novatos e veteranos que forem cursar disciplinas de forma remota);

Importante:

1. Qualquer dificuldade ou impedimento na realização da matrícula deve ser imediatamente informada pelo estudante à secretaria/coordenação de seu Programa para as providências cabíveis.

2. De acordo com as normas vigentes, a não realização/não renovação da matrícula será considerada como abandono de curso, o que implica na perda do vínculo do estudante com o PPG.

Informamos que serão ofertadas 6 Disciplinas para realização da matrícula on line a saber:

¿ PGMT 935 - Bioestatística

¿ PGMT 936 – Clínica de Doenças Tropicais

¿ PGMT 941 - Seminários Integrados de Pesquisa I

¿ PGMT 949 - Seminários Integrados de Pesquisa II

¿ PGMT 901 - Metodologia Didática do Ensino Superior

¿ PGMT 942 - Infecção Hospitalar e Precauções de Biossegurança para

Profissionais de Saúde

Ressaltamos que o discente terá que realizar a matrícula, a fim que possa manter o vínculo institucional, pois todas as disciplinas anteriores foram canceladas.

 

A Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Medicina Tropical torna público o presente Edital Complementar Emergencial para preenchimento de duas vagas com bolsas, que contém a normatização do Concurso de Seleção e Admissão – 1a Entrada (Primeiro semestre letivo de 2020 – Ano Letivo 2020.1) ao corpo discente do Programa de Pós-Graduação em Medicina Tropical, curso de Doutorado.

As inscrições para o processo seletivo de candidatos ao curso de Doutorado Acadêmico do Programa de Pós-Graduação de 2020 - seleção emergencial simplificada - para o Programa Estratégico Emergencial de Prevenção e Combate a Surtos, Endemias, Epidemias e Pandemias, deverão ser efetuadas exclusivamente na modalidade online, das 8h do dia 18/05/2020 até às 17h do dia 19/05/2020 (ininterrupto), encaminhando a documentação exigida no Item 2 deste edital de forma digitalizada, exclusivamente em formato PDF, para o e-mail: ppgmedtrop.ufpe@gmail.com

 

As inscrições serão verificadas quando do seu recebimento pela secretaria de pós-graduação no que se refere ao cumprimento dos requisitos para a sua aceitação, conforme o Item 2.

 

São de inteira e exclusiva responsabilidade do candidato as informações e a documentação por ele fornecidas para sua inscrição, as quais não poderão ser alteradas ou complementadas, em nenhuma hipótese ou a qualquer título após o encerramento das inscrições.

 

Não serão aceitas inscrições de alunos que tenham sido desligados, por abandono ou desempenho insuficiente, do Programa mais de uma vez.

 

Os alunos selecionados serão automaticamente vinculados aos projetos ligados ao COVID e aprovados pela Pro-Reitoria em Pesquisa da UFPE.

 

Para a inscrição nesta seleção simplificada e, posterior recebimento da bolsa de doutorado, o candidato não pode ter vínculo empregatício, segundo exigência do termo de outorga da bolsa.

Link do Edital:

https://www.ufpe.br/documents/38962/2571920/Bo43.pdf/f4bb851c-a916-49e5-aed8-418ae609d820

RESULTADO FINAL (APÓS RECURSOS)

 

Homologação do Processo Seletivo Edital Emergencial

Mestrado em Medicina Tropical – Ano: 2020

CPF do candidato

Nota Final*

Classificação

064.606.564-52

10,00

105.075.654-10

9,25

084.319.854-02

8,83

088.835.984-80

8,61

702.760.814-63

7,78

027.094.334-00

7,78

093.187.774-18

7,22

126.747.364-96

5,14

067.438.964-62

5,00

001.897.552-61

4,81

10º

115.379.074-25

4,75

11º

024.748.334-63

4,31

12º

111.971.444-39

4,08

13º

075.890.084-86

2,22

14º

 

Candidatos com inscrição indeferida

Mestrado em Medicina Tropical – Ano: 2020

CPF do candidato

105.009.134-55

091.640.234-78

092.819.004-83

059.469.124-96

097.022.184-38

112.375.994-40

106.300.684-88

115.810.094-96

089.010.164-78

110.029.674-30

087.118.744-22

024.155.754-29

084.403.124-07

047.407.734-90

045.975.205-70

703.247.484-50

059.450.254-37

008.621.614-79

112.642.564-85

096.975.364-06

000.534.783-12

107.169.244-55

080.715.224-22

114.727.594-78

 

Homologação do Processo Seletivo Edital Emergencial

Doutorado em Medicina Tropical – Ano: 2020

CPF do candidato

Nota Final*

Classificação

075.394.994-60

10,00

088.274.504-24

9,60

041.501.544-81

8,49

023.225.754-02

7,89

098.067.674-62

7,00

087.150.434-01

6,18

067.607.664-58

4,66

008.298.134-54

4,42

052.478.437-03

3,07

 

Candidatos com inscrição indeferida

Doutorado em Medicina Tropical – Ano: 2020

CPF do candidato

036.399.574-90

079.802.014-85

 

Centro de Ciências Médicas
Departamento de Medicina Tropical

Hospital das Clínicas - Bl. A - Térreo do HC/UFPE Av. Prof. Moraes Rego - s/n. 50670-901 - Cidade Universitária, Recife-PE

(81) 2126 8527
Profa. Dra. Heloísa Ramos Lacerda de Melo
Coordenadora
Profa. Dra. Vlaudia Maria Assis Costa
Vice-Coordenadora
Walter Galdino
Secretário