Programa de Pós Graduação em Tecnologias Energéticas e Nucleares (PROTEN))

O Programa O Programa

A Universidade Federal de Pernambuco é uma das principais universidades públicas do País. Surgida em 1946, então chamada de Universidade do Recife, foi resultado da junção das Faculdade de Direito do Recife (fundada em 1827), Escola de Engenharia de Pernambuco (1895), Escola de Farmácia (1903), Escola de Odontologia (1913), Faculdade de Medicina do Recife (1915), Escola de Belas Artes de Pernambuco (1932) e Faculdade de Filosofia do Recife (1940). 

Dezoito anos após a fundação da UFPE, tiveram início as atividades do Centro Nuclear que, em 1968, seria transformado no Departamento de Energia Nuclear. De imediato, foi implementado e oferecido o Curso de Introdução à Energia Nuclear, precursor do curso de Mestrado em Ciência e Tecnologia Nuclear, iniciado em 1977.

Ainda no final da década de 1970 e até meados da década de 1980, chegaram, ao Departamento de Energia Nuclear, docentes oriundos do Departamento de Engenharia Eletrônica da UFPE e da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), o que resultou na ampliação das áreas de atuação do departamento, que passou a englobar, além da tecnologia nuclear, novas tecnologias para a geração de energia. 

Sendo assim, foi bastante natural que, em 1995, fosse apresentado à CAPES a proposta para a criação do curso de doutorado em tecnologias energéticas e nucleares, a ser oferecido pelo Departamento de Energia Nuclear. 

Desta forma, teve início, em 1997, ao Programa de Pós-Graduação em Tecnologias Energéticas e Nucleares (PROTEN). É importante ressaltar que o PROTEN é o único programa de pós-graduação stricto sensu da área nuclear que atua nas regiões Norte e Nordeste e um dos pioneiros nas áreas das energias renováveis. Desde o início do seu período de funcionamento até dezembro de 2019, o curso formou 417 mestres e 199 doutores. 

Em 2008, foi aprovado o projeto de associação ao Centro Regional de Ciências Nucleares do Nordeste (CRCN-NE) da CNEN, passando o PROTEN-UFPE/CRCN-NE a estar associado às duas instituições: UFPE e CRCN-NE. A implementação desta associação foi fácil uma vez que o CRCN-NE/CNEN localiza-se no campus da UFPE distante cerca de 500 metros do DEN/UFPE e diversos pesquisadores atualmente vinculados ao CRCN-NE são ex-docentes do DEN/UFPE e continuavam atuando no PROTEN-UFPE/CNEN. Com isso, o curso ganhou em número de docentes e em infraestrutura de ensino e pesquisa para o desenvolvimento de atividades.

OBJETIVO

O Programa de Tecnologias Energéticas e Nucleares (PROTEN) tem como objetivo formar profissionais pós-graduados na área nuclear e energética, para atuarem nas universidades e centros de pesquisa e setores da sociedade relacionados às áreas de concentração do programa.

Missão

O Programa de Po´s-Graduac¸a~o em Tecnologias Energe´ticas e Nucleares (PROTEN-UFPE/CRCN) compreende os cursos de Mestrado e Doutorado. O curso têm por finalidade principal a formação de recursos humanos altamente qualificados nas áreas de aplicações nucleares e geração de energia, para atuação no ensino superior e na pesquisa ou na prestação de serviços especializados, contribuindo desta forma para o desenvolvimento científico-tecnológico nacional.

Mais especificamente o curso de Mestrado tem objetivo de aprofundar a competência adquirida nos cursos de graduac¸a~o, desenvolvendo o domi´nio das te´cnicas de investigac¸a~o nas respectivas a´reas de concentração.

O curso de Doutorado tem o objetivo de proporcionar formação científica ampla e aprofundada, desenvolvendo a capacidade de pesquisa e o poder criador nas respectivas áreas de concentração.

 

Departamento de Ciências Geográficas
Centro de Filosofia e Ciências Humanas

Av. da Arquitetura, s/n, Universidade Federal de Pernambuco Centro de Filosofia e Ciências Humanas - CFCH, 6º andar, sala 604 CEP: 50740-550, Cidade Universitária, Recife-PE

(81) 2126-8277