Departamento de Engenharia Mecânica - DEMEC Departamento de Engenharia Mecânica - DEMEC

O Departamento de Engenharia Mecânica (DEMEC) da UFPE iniciou suas atividades em janeiro de 1969, oriundo do Departamento de Engenharia Civil.  O mesmo atua na pesquisa, ensino e extensão desenvolvendo e difundindo tecnologia atualizada nas áreas  de Materiais e Fabricação, Mecatrônica, Metrologia, Projetos Mecânicos, Sistemas Automotivos, Sistemas Industriais Metal-Mecânicos, Sistemas Navais e Offshore e Sistemas Térmicos . 

O DEMEC como missão formar engenheiros qualificados, socialmente responsáveis nas áreas de: Concepção e análise da viabilidade de empreendimentos, de projetos de sistemas, de planejamento, execução e manutenção dos sistemas relativos às sus três áres de atuação: Engenharia de Materiais e Fabricação, Engenharia Mecânica e Engenharia Naval.

O DEMEC abriga hoje, os Cursos de Graduação em Engenharia Mecânica, de Engenharia de Materiais e de Engenharia Naval, além do curso de Pós-Graduação Strictu Sensu em Engenharia Mecânica (Mestrado e Doutorado), além de vários cursos Latu Sensu e de Especialização que são oferecidos periodicamente.

O corpo docente do permanente do DEMEC é constituído de mais de sessenta professores efetivos, a maioria com doutorado, além de um grupo variável de professores visitantes, bolsistas DCR/CNPq, bolsistas Profix/CNPq e professores substitutos, sendo os mesmos responsáveis por 90% das disciplinas do Ciclo Profissional dos cursos de Engenharia de Materiais, Engenharia Mecânica e Engenharia Naval. O DEMEC atende também às disciplinas dos cursos de graduação em Engenharia de Produção, Engenharia Química, Engenharia de Minas, Engenharia Cartográfica, Engenharia Elétrica/Eletrônica Engenharia de Energia e Química Industrial.

Os professores que atuam no Programa de Pós Graduação da Engenharia Mecânica (PPGEM) realizaram seus doutorados em diversificadas instituições estrangeiras e nacionais de reconhecimento internacional. A integração entre a Graduação e a Pós-graduação se destaca pela atuação de seus professores nos cursos oferecidos e pela participação dos alunos de Iniciação Científica nas pesquisas desenvolvidas.